Dieta Flexível – Emagrecimento De Forma Moderna E Agradável


Dieta Flexível

[Publicidade] Como Emagrecer Com DIETA FLEXÍVEL - CLIQUE AQUI
[Publicidade] Como Emagrecer Com DIETA FLEXÍVEL – CLIQUE AQUI
Olá amigos e amigas do blog. Sejam novamente bem-vindos a mais esse nosso artigo. Vamos falar sobre a DIETA FLEXÍVEL. O que é a Dieta Flexível? Como funciona a Dieta Flexível. É possível emagrecer comendo de tudo? A Dieta Flexível funciona para qualquer pessoa? Enfim, vamos passar por cada item que consideramos importante para ajudar entender melhor como funciona a Dieta Flexível.

Importante: Antes de adotar qualquer tipo de dieta ou regime alimentar diferenciado, consulte um profissional de saúde qualificado, que terá condições de analisar cada caso em particular. Poderá fazer diagnóstico clínico apropriado, fornecendo todas as orientações necessárias de acordo com as características de cada pessoa.

VEJA TAMBÉM –  Como Emagrecer Sem Fazer Dietas: | DICA 1 – Quebre O Ritmo AlimentarDICA 2 – Durma Bem | DICA 3 – Correr 30 Minutos Ao Dia | Dica 4 – Não Exagerar Nos Líquido |

Curso de Retrospectiva Animada de Casamentos Aniversarios sigadieta

O Que É A Dieta Flexível

O Que É A Dieta Flexível
O Que É A Dieta Flexível

[Publicidade] Receitas de Sobremesas Low Carb - clique aqui
[Publicidade] Receitas de Sobremesas Low Carb – CLIQUE AQUI
A Dieta Flexível trata-se de um conceito moderno sobre como emagrecer, sem deixar de comer o que se gosta, e sem se privar de alimentos fundamentais para o bom funcionamento de nosso organismo. É resultado de pesquisas da engenharia fitness e tem se espalhado pelo mundo afora como novo conceito de emagrecimento. Chegou também ao Brasil faz poucos anos, e tem se propagado principalmente entre praticantes musculação e profissionais da área fitness.

Na Dieta Flexível, é permitido e necessário comer alimentos fontes de Carboidratos, Gorduras e Proteínas. Nessa dieta, esses elementos são considerados essenciais para nossa saúde, e por isso não podemos adotar regimes alimentares que proíbam o consumo de um desses 3 nutrientes.

Na Dieta Flexível, os Carboidratos, Gorduras e Proteínas são chamados de MACRO-NUTRIENTES. Nessa dieta não podemos privar nosso organismo de nenhuma dessas 3 substâncias. Ficar sem comer alimentos que contenham um ou outro desses elementos, é deixar nosso organismo debilitado. Há também a afirmação, segundo a Dieta Flexível, que os outros tipos de dietas de emagrecimento, funcionam para a perda de peso de forma temporária. As dietas restritivas como lowcarb, restrição de calorias, contagem de pontos, dieta da lua, dieta sem gordura, dieta do limão e todas as demais com altos níveis de restrição alimentar, não se sustentam ao longo do tempo. As pessoas emagrecem, mas ao longo do tempo o organismo não suporta a ausência dos elementos fundamentais para o bom funcionamento – o carboidrato, a gordura e a proteína.

A Dieta Flexível tem fundamentação em pesquisas modernas e atuais. É muito praticada por praticantes de musculação e defendida por profissionais da área fitness.

Dieta Flexível – Vantagens

Dieta Flexível - Vantagens - O Segredo Está No Equilíbrio De Calorias
Dieta Flexível – Vantagens – O Segredo Está No Equilíbrio De Calorias

[Publicidade] Queima De Gordura Abdominal - CLIQUE AQUI
[Publicidade] Queima De Gordura Abdominal – CLIQUE AQUI
Antes mesmo de seguir em detalhes sobre a Dieta Flexível, vamos falar primeiro sobre suas vantagens, pois como se trata de uma Dieta com conceito diferenciado. Passou a ser adotada por muitas pessoas (inclusive por mim que escrevo esse artigo), e que de cara apresentou uma série de vantagens em relação aos outros tipos de dietas. Logicamente é uma questão de opção, sem tirar o mérito dos demais tipos de dietas de emagrecimento. É uma questão de escolha. Vamos às vantagens:

  1. Podemos comer de tudo: Sem exagerar na quantidade. Isso não significa que podemos nos entupir de porcarias. Não é isso! Mas na Dieta Flexível, nunca nos privaremos de uma deliciosa picanha, nunca deixaremos de tomar um choppizinho ou uma cerveja, nunca deixaremos de comer uma deliciosa pizza ou um prato de macarronada. O segredo do emagrecimento (ou ganho de massa muscular) na Dieta Flexível é o controle do que se consome de Macronutrientes (falaremos a seguir), em relação ao que queimamos de calorias diariamente;
  2. Sustentável: Isso aconteceu comigo e posso falar com conhecimento de causa. As deitas restritivas funcionaram temporariamente. Com o tempo, o organismo dá sinais claros de deficiências, e o regime alimentar restritivo não se sustenta ao longo de semanas, meses e anos. Com a Dieta Flexível eu consegui manter meu peso ideal, sem ter altos e baixos de resistência, justamente por não restringir o organismo dos Macronutrientes essenciais. Não há mais aquela fraqueza, dor de cabeça ou um cardápio enjoativo e repetitivo como as demais dietas de restrição;
  3. Coerência: Percebe-se na Dieta Flexível uma metodologia bastante coerente. Nessa dieta há o reconhecimento de que nosso corpo precisa de Carboidratos, Gorduras e Proteínas. Há uma compreensão clara que não podemos deixar nosso corpo sem a devida reposição diária de energia. E a coerência maior está na forma de traçar o objetivo. Para emagrecer, basta ingerir menos calorias do que se queima. Para ganhar massa muscular basta ingerir mais calorias do que se gasta;
  4. “Comer limpo” é Mito: A Dieta Flexível derruba o mito de “comer limpo”. Enquanto para as demais dietas, “comer limpo” nos conduz ao emagrecimento, na Dieta Flexível não adianta “comer limpo” sem se atentar à conta de ingestão X queima de calorias. É ainda pior porque deixamos nosso corpo com terríveis deficiências de funcionamento, enquanto que o segredo está na balança de calorias. Isso significa que você pode comer um belo prato de macarronada, e continuar emagrecendo com a combinação certa de quantidades e ritmo de exercícios;
  5. Não prejudica o social: Quem nunca ouviu a desculpa de um amigo ou amiga, que não poderia comer ou beber algo porque está fazendo a dieta tal? Com a Dieta Flexível podemos sim ir a uma festa de aniversário e comer bolo. Não deixaremos de ir ao happy-hour com os amigos, porque naquela semana não podemos tomar cerveja e porque não podemos comer petiscos. Pelo menos essa não será a desculpa para prejudicar nossa vida social e nossos relacionamentos;
  6. E por fim, Combinação com Jejum Intermitente: No meu caso, consegui fazer uma combinação perfeita do Jejum Intermitente com a Dieta Flexível. Sou praticante de Jejum Intermitente já faz alguns anos. Inicialmente fazia Jejum Intermitente com Low Carb. Mas pelo fato do JI ser justamente um regime diferenciado, fazer as refeições com restrição de Carboidratos não era exatamente o que mais compensava o Jejum Intermitente. Já com a Dieta Flexível, onde posso suprir carboidratos, gorduras e proteínas na alimentação “livre”, consegui fazer uma ótima combinação JI x Dieta Flexível.

Macro Nutrientes

dieta flexivel macro nutrientes sigadieta
Dieta Flexível – Macro Nutrientes

Para prosseguirmos no entendimento da Dieta Flexível, vamos ver (ou rever) ou conceitos dos Macro Nutrientes que nosso corpo necessita fundamentalmente:

[Publicidade] Confeitaria - Ganhe Dinheiro Com Bolos Festivos - CLIQUE AQUI
[Publicidade] Confeitaria – Ganhe Dinheiro Com Bolos Festivos – CLIQUE AQUI
  1. Carboidratos: São compostos orgânicos fundamentais para fornecer ENERGIA ao nosso corpo. O Carboidrato é um macro-nutriente formado basicamente de moléculas de Carbono, Hidrogênio e Oxigênio. A ingestão de carboidratos fornece ao nosso corpo a glicose necessária para o funcionamento metabólico e geração de energia celular. A deficiência desse elemento em nosso corpo, nos deixa totalmente debilitados e sem energia. Os carboidratos são encontrados principalmente em alimentos como açúcar, arroz, macarrão, pães, batata, mandioca, trigo, milho, frutas, cevada, inhame. Os carboidratos são classificados em Monossacarídeos, Dissacarídeos e Polissacarídeos.
  2. Gorduras: As gorduras podem ser encontradas em alimentos como soja, milho, manteiga, azeita de oliva, banha, óleo de coco, girassol, canola, dendê. Tecnicamente denominadas Lipídios, as gorduras são consideradas erroneamente as grandes vilãs do ganho de peso. Em praticamente todas as dietas, as gorduras são tratadas como altamente prejudiciais ao nosso copo. Mas, na verdade o que não se fala, é que nossa saúde e o funcionamento de nosso organismo depende muito da ingestão de gorduras. São Macro-Nutrientes essenciais para nossa saúde. O que falaremos mais à frente será a forma e quantidade de consumo;
  3. Proteínas: constitui o terceiro Macro-Nutriente fundamental para nossa saúde. As proteínas são a base para a formação de todo o tecido e material corporal. As proteínas são compostas por Aminoácidos, que tem a função principal de formar e manter saudáveis todos os tecidos, músculos, ossos, pele, cabelos, dentes, unhas. Nosso material corporal está ligado diretamente ao suprimento de proteínas. As Proteínas podem ser encontradas em alimentos como carnes, peixes, ovos, feijão, amêndoas, leite e derivados, lentilhas, etc.

Portanto, essas 3 substâncias (Carboidratos, Gorduras, Proteínas), constituem a base alimentar de nós seres humanos, e o seu consumo não pode ter deficiências.

Dieta Flexível – Como Funciona

Dieta Flexível - Como Funciona
Dieta Flexível – Como Funciona

Conhecendo os 3 macro-nutrientes e suas funções essenciais para nossa saúde, A Dieta Flexível baseia-se na ingestão sem deficiências e de forma saudável de todos os 3 MACRONUTRIENTES.

[Publicidade] Dieta De 21 Dias - CLIQUE AQUI
[Publicidade] Dieta De 21 Dias – CLIQUE AQUI
Isso quer dizer que conforme a Dieta Flexível, o controle do cardápio na combinação certa e quantidades ideais, será o segredo para se traçar os objetivos. Os objetivos da Dieta Flexível podem ser definidos tanto para emagrecimento, quanto para o ganho de massa muscular. Por isso é uma dieta muito utilizada por praticante de musculação e profissionais da área fitness.

Princípios Básicos Da Dieta Flexível

  • Metas Para Emagrecimento: ingestão de calorias menor que a queima de calorias;
  • Metas Para Ganho De Massa Muscular: ingestão de calorias maior que a queima de calorias.
  • Carboidratos + Gorduras + Proteínas: Não há restrição quanto ao que comer;
  • Quantidade e Combinação: Há controle na quantidade e combinação dos macronutrientes;
  • Exercícios Físicos Corretos: Adoção do cardápio certo, aliado com exercícios físicos ideais para potencializar o objetivo (emagrecimento ou ganho de massa muscular).

Dieta Flexível – Cardápio

Dieta Flexível - Cardápio (Fórmulas E Tabelas Nutricionais)
Dieta Flexível – Cardápio (Fórmulas E Tabelas Nutricionais)

O conceito da Dieta Flexível é extremamente atraente e coerente, pois trata-se de um método que podemos emagrecer ou definir, comendo-se de tudo. Mas é exatamente na definição do cardápio, onde encontramos uma das maiores dificuldades na Dieta Flexível. Tem muita conta!

Particularmente, eu indicaria 3 opções por parte de quem vai iniciar na Dieta Flexível:

[Publicidade] 400 Receitas FIT Da Camis Para Emagrecer - CLIQUE AQUI
[Publicidade] 400 Receitas FIT Da Camis Para Emagrecer – CLIQUE AQUI
  1. Pesquisar cardápios e séries de exercícios para a Dieta Flexível;
  2. Aquisição de método pronto que já forneça as refeições calculadas + exercícios  ou;
  3. Fazer os cálculos nutricionais individualizados seguindo as fórmulas e tabela nutricional dos alimentos.

Para o cálculo individualizado, caso sua opção seja essa, será preciso:

  1. Fazer uso das fórmulas de cálculo (ou acesso aos sites que indicaremos a seguir);
  2. Consultar a tabela nutricional de cada alimento ou bebida que vai compor o cardápio ou receita (indicaremos também o site para consulta);
  3. Ter uma balança de precisão em casa, para saber o peso de cada ingrediente. Com o peso dos alimentos e as informações nutricionais, poderá compor o cardápio de acordo com as quantidades estipuladas para suas necessidades energéticas.
  4. Esse é uma das maiores dificuldades da Dieta Flexível. Assim como tem seu lado coerente, o lado da matemática complicada a vida dessa dieta. Mas tem alternativa.

O cardápio da Dieta Flexível é definido em estudos da engenharia fitness moderna, baseando-se nas quantidades energéticas necessárias para cada objetivo e para cada indivíduo. A combinação energética leva em conta também as características pessoais de cada um, como idade, sexo, peso, altura e perfil diário de atividades.

Dieta Flexível – Aquisição De Material Pronto

Certamente esse é um dos pontos que exigem maior atenção da Dieta Flexível. A alimentação será baseada em cálculos matemáticos para os níveis energéticos a serem consumidos de acordo com objetivo traçado. Como demanda uma certa dose de paciência e atenção quanto à essa tabela de cálculo, já existem métodos elaborados por profissionais da área, que trazem um cardápio calculado com base em características médias das pessoas.

Cardápio para SECAR E EMAGRECER ou para AUMENTAR E DEFINIR, combinado com séries de exercícios ideais para cada finalidade.  As receitas e combinações de alimentos são previamente estabelecidas, com a proporção correta dos MACRONUTRIENTES (Carboidratos, Gorduras e Proteínas).

[Publicidade] Emagrecer Com Chef Flexível - clique aqui
[Publicidade] Emagrecer Com Chef Flexível – CLIQUE AQUI
A composição do cardápio é resultado de cálculos em tabelas nutricionais, de forma a manter o funcionamento ideal do organismo, sem privações, e ao mesmo tempo te ajudar a atingir os objetivos definidos. Como se trata de técnica desenvolvida especificamente para a Dieta Flexível, recomendamos o material preparado pela equipe do programa CHEF FLEXÍVEL. Nesse programa de emagrecimento baseado nas técnicas da Dieta Flexível, foram relacionadas 100 receitas ideais, com o cálculo de macronutrientes já testado e comprovado por quem fez o programa.

Neste programa Chef Flexível que indicamos acima, leva-se em consideração um perfil médio de cada indivíduo para facilitar a dieta. Para cálculo individualizado, vamos mencionar no próximo tópico as fórmulas a serem usadas para a Dieta Flexível.

Dieta Flexível – Cálculo Nutricional

dieta flexivel calculo nutricional sigadieta
Dieta Flexível – Cálculo Nutricional

Para quem quer fazer o cálculo nutricional mais exato de acordo com suas características, existem sites que ajudam na especificação de cardápio e exercícios exatamente de acordo com cada perfil. Para a formação nutricional exata, leva-se em conta as características pessoais. Informações como idade, peso, altura, sexo, perfil e nível das atividades desenvolvidas diariamente, são levadas em conta na elaboração de cardápio com as quantidades de macronutrientes de forma mais apropriada para cada pessoa.

[Publicidade] Fique Em Forma Com MAGRAS PARA SEMPRE - CLIQUE AQUI
[Publicidade] Fique Em Forma Com MAGRAS PARA SEMPRE – CLIQUE AQUI
Nos sites  IIFYM Calculator e TDEE Calculator é possível realizar os cálculos, fornecendo as características físicas e pessoais. Como resultado virá uma série de orientações quanto à quantidade de calorias diárias e orientações quanto ao ritmo de exercícios. Possivelmente algumas informações específicas sendo fornecidas mediante a venda de Métodos comercializados nesses sites. ATENÇÃO para as unidades de medidas que cada site pede!

Dieta Flexível – Fórmulas De Cálculo

Para Aumento De Massa Muscular:

Conforme as tabelas de cálculos nutricionais da Dieta Flexível, para ganhos de massa muscular, podemos seguir a composição dos Macro-Nutrientes conforme a seguinte conta:

  • 4 gramas de carboidrato por quilo corporal, que seriam = 4 gramas x SEU PESO;
  • 2 gramas de proteína por quilo corporal, que seriam = 2 gramas x SEU PESO;
  • 1 gramas de gordura por quilo corporal, que seriam = 1 gramas x SEU PESO.

Para Redução De Massa Muscular E Emagrecimento:

Para quem tem como objetivo enxugar e emagrecer, pode ser seguida a seguinte regra na conta da tabela nutricional:

  • 2 gramas de carboidrato por quilo corporal, que seriam 2 gramas x SEU PESO;
  • 2 gramas de proteína por quilo corporal, que seriam 2 gramas x SEU PESO;
  • 1 gramas de gordura por quilo corporal, que seriam 1 gramas x SEU PESO.

Nota:

  • 1 grama de Carboidratos = 4 Calorias;
  • 1 grama de Proteínas = 4 Calorias;
  • 1 grama de Gordura (Lipídios) = 9 Calorias.

Exemplo De Cálculo:

Como exemplo de cálculo, vamos tomar como base uma pessoa de 70 Kg, que tenha como objetivo o ganho de massa muscular. Para o cálculo de seus macrosnutrientes de acordo com as informações acima, ele teria que consumir 280 gramas de carboidratos, 140 gramas de proteína e 70 gramas de gordura. No total de 2.310 Kcal diárias.

  • 4g x 70kg=280g x 4cal=1.120 Kcal;
  • 2g x 70kg=140g x 4cal=560 Kcal;
  • 1g x 70kg=70g x 9cal=630 Kcal.

Assim, 1.120 + 560 + 630 = 2.310 Kcal totais.

Já para uma pessoa com o mesmo peso, porém, visando perda de peso, seus macros de acordo com o indicado seriam 140g de carboidratos, 140g de proteína e 70g de gordura somando calorias totais de 1.750 Kcal de acordo com o cálculo acima, somente substituindo as quantidades.

Alimentos – Informações Nutricionais

Para saber como compor o cardápio usando as orientações de cálculo da Dieta Flexível, será necessário consultar cada alimento que vai compor a refeição, e submetê-los às fórmulas indicadas acima. Um dos sites brasileiros mais usados para consulta de informações nutricionais dos alimentos é o fatsecret, que pode ser usado com base de consultas das quantidades de Carboidratos, Gorduras e Proteínas de cada alimento ou bebida.

Dieta Flexível – Pode Ser Feita Por Todos?

emagrecer com dieta flexivel sigadieta
Dieta Flexível – Pode Ser Feita Por Todos?

Sim! A Dieta Flexível pode ser feita por todos. Ao contrário das dietas restritivas, que possuem contraindicações como questões de saúde, atividades profissionais de risco, grávidas e outras restrições, a Dieta Flexível não possui contra-indicações, exatamente porque não elimina do cardápio nenhum elemento ou alimento essencial para o bom funcionamento de nosso organismo.

Recomendação: Como sempre, recomendamos procurar um profissional de saúde antes de iniciar qualquer tipo de dieta ou regime alimentar diferenciado. Somente um médico ou profissional qualificado, poderá fornecer orientações clínicas de acordo com as características, necessidades ou restrições cada paciente.

 

 

 

 

Anúncios

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s